Psicologia e poker

Psicologia e o poker: Como a mente influencia o jogo

Que todo o jogo de estratégia demanda um bom conhecimento e prática, nós já sabemos… Mas já diziam os filósofos: quem controla a mente, controla tudo. O poker é o exemplo mais sagaz desta afirmação. A mente está completamente ligada ao desempenho do jogador; além das técnicas e conhecimento sobre o que está a jogar, é claro. Compreender o que está a acontecer nas mentes de nossos oponentes é tão importante para vencer como qualquer fórmula matemática. Além disso, a capacidade de olhar para dentro e reconhecer como seus próprios pensamentos e sentimentos afetam a forma com que joga, tanto bons quanto maus, é crucial se quiseres vencer este jogo a longo prazo. Nossa equipa PortugalCasino.pt irá esclarecer melhor como a mente está diretamente ligada ao controlo do jogo de poker. Confira!

Confira aqui nosso guia completo sobre o poker!


Alfcasino € 500 bónus e 200 giros grátis.

|


Conhecimento da psicologia no jogo

O conhecimento da psicologia dos jogos ajuda de duas maneiras. Primeiro, quanto melhor pudermos ler os pensamentos e sentimentos do seu oponente, melhor poderá ler as cartas dele. Mais importante, porém, é a descoberta mais profunda de nossa personalidade permite que permaneçamos calmo e tudo flui melhor, mesmo nas piores situações…

Autoconhecimento no poker

Os jogadores de poker costumam ser bem ambiciosos. Quando uma mão não vem como gostariam, costumam culpar a falta de sorte pelo feito. O facto é que, mesmo com mãos não tão boas assim, podemos inverter o jogo a nosso favor. Como? Simples… (ou não tanto quanto parece). O poker é um dos melhores jogos de estratégia em que o autoconhecimento é crucial. Conhecer a si mesmo e racionalizar suas ações podem transformar uma mão não tão boa, em uma jogada de mestre. 

Como lidar com a competição e o ego no poker

A competição libera nosso ego frágil, mas há algo no poker que torna a perda ainda mais difícil: o orgulho. O poker é um desporto marcado pela maneira agressiva de ser. É fácil perceber essa característica ao assistir uma simples partida de poker, ou sentir como os jogadores se vendem da maneira mais rígida possível quando visitamos um casino físico. Em diversos livros sobre a psicologia do poker, críticos costumam dizer que bons jogadores de poker são bons atores. 

A autoconfiança é essencial. Sem ela, não há chance de ser um jogador vencedor. Para suportar oscilações brutais, deve ter fé em si mesmo. Mas quando a confiança atravessa a fronteira e se torna acima do orgulho? A isso, chamamos autoconsciência. Na mesa de poker, a capacidade de ser sincero e honesto consigo mesmo vale o peso do ouro, e muitas vezes, vale a conquista do pot.

Ainda em dúvida sobre os valores das mãos de poker? Entenda de uma vez por todas, aqui!

Claro, é mais fácil falar do que fazer. Perder dói e associá-lo à consciência de que a perda foi sua própria culpa é como borrifar sal em uma ferida aberta. Sempre será mais fácil culpar um oponente por uma perda pesada ou por azar, do que pensar na possibilidade de que ele tenha perdido porque a mão foi mal jogada.  


BuranCasino € 500 bónus e 200 giros grátis.

|


Reconhecer o próprio estilo de jogo

Para mergulhar na mentalidade do poker, o jogador precisa pensar em seu próprio estilo de jogar o poker. Tudo se resume ao porquê cada um joga poker. Razões sociais? Pelo gosto da emoção e da competição? Jogas para provar alguma coisa? Independentemente do motivo -ou combinação de motivos- seu estilo de jogo refletirá o motivo pelo qual está a jogar. 

Honestidade consigo mesmo -como dizíamos anteriormente- vale ouro. Nada o ajudará a aprender as melhores estratégias de poker se não usar o próprio “feeling”, quando julgar necessário. Podemos ler livros, estudar estratégias para ler mãos dos adversários, comprar softwares fantásticos de cálculo de percentagem… Entretanto, nada e ninguém jamais te fará o melhor jogador de poker possível, se não for por si mesmo. Desenvolver a melhor técnica para si mesmo é a chave para um jogo saudável e bem sucedido.

Psicologia do poker: como entender as emoções

Conhecer os oponentes

Existe uma variedade impressionante de jogadores de poker. Desde o jogador com o estilo mais recreativo que não está muito preocupado em perder dinheiro, desde que possa se divertir ao mesmo tempo; até ao jogador duro que adere a cada ficha como se a própria vida dependesse disso. Se pretende quiser jogar um jogo em um nível superior, deve poder ler todos eles. Somente quando aprender a ler seu oponente, é que pode desenvolver uma linha de assertividade e previsão de jogadas, e isso irá te ajudar muito com o passar do tempo. 


Casinia € 500 bónus e 200 giros grátis.

|


Os estilos básicos dos jogadores de poker

A psicologia de ler um oponente é tanto arte quanto ciência. Em diversos livros de poker, encontrará os principais adjetivos para definir os jogadores de poker:

  • Tight passive 
  • Loose passive 
  • Tight aggressive
  • Loose aggressive 

Há também uma outra definição, mais simples de entender, como os termos: rock, shark, donkey, nit e calling stations. 

  • Jogador rock: Um jogador que é facilmente identificável, pois raramente joga uma mão. Estes jogadores estão sentados durante horas e não fazem nada, pois estão a esperar pela mão forte para entrar em ação.
  • Jogador shark (ou maniac): Jogadores fortes e perigosos, os jogadore maníacos não vêem o poker como um jogo de estratégia, mas sim como um jogo de coragem e masculinidade, e geralmente se acha o melhor da mesa, mesmo que não seja.
  • Jogador donkey: Jogador visto como ruim, que não sabe o que está a fazer. Este estilo de jogador adora blefar a pensar, "ele não tem nada", e está disposto a fazer call com ainda menos.
  • Jogador nit: É aquele que está o tempo todo tímido, evita grandes pots, e geralmente são aqueles que aprenderam o suficiente sobre poker para acharem que sabem o que estão a fazer. 
  • Jogador calling station: É aquele jogador que tem o hábito de só dar call, gostam de jogos longos e raramente mostram agressividade, mesmo quando têm mãos (muito) boas.

O que listamos acima é uma maneira primitiva de definir uma mesa de poker, e entender um pouco mais das ações que os jogadores tomam em um torneio, por exemplo. É claro que os oponentes não são garrafas com rótulos, mas é um caminho para tentar entender com quem está a jogar. Cada jogador possui sua tática, e ela geralmente é parte da identidade do jogador, sempre presente.  

Tipos de jogadores no poker

Ler as características adversárias

Tudo o que fazemos - a maneira como nos movemos, dizemos, vestimos, decoramos etc. - diz algo sobre nossa personalidade. Jogadores agressivos geralmente são muito fortes em todos os aspectos de suas vidas: eles se vestem com cores vivas, falam alto, usam linguagem mais nítida e explícita, entram no jogo por quantias muito grandes. Esses jogadores querem intimidar e devem estar no centro das atenções. E no poker, ninguém é mais intimidador ou atraente do que um jogador maníaco, por exemplo. Fáceis de detectar, difíceis de jogar, os geeks possuem um talento único para pressionar os oponentes.

Por outro lado, jogadores de poker passivos evitam conflitos. Sociáveis por natureza preferem não balançar o barco ou cutucar alguém indevidamente - o que é uma desvantagem significativa em um jogo em que o objetivo é pegar o dinheiro do oponente. Jogadores tight são geralmente muito determinados e conservadores em tudo o que fazem, vestem-se moderadamente, empilham cuidadosamente as fichas, raramente falam. Jogadores loose são mais independentes e impulsivos, eles podem ser impacientes, falantes e desleixados com fichas.

É claro, não podemos estereotipar a todos. Muitos jogadores se encaixam em uma das categorias acima. Quando se trata de estereótipos por idade, sexo, raça, etc., essa é uma armadilha perigosa. Embora seja mais provável encontrarmos um jogador de 22 anos mais agressivo que outro de 55, sempre há exceções e nunca devemos nos esquecer isso.


Malina Casino € 500 bónus e 200 giros grátis.

|


Adaptar seu jogo à situação 

Depois de fazer uma análise psicológica do seu oponente, use esse conhecimento para a fim de personalizar seu próprio jogo. Contra o maníaco, saiba que, no futuro, terás que se preparar para apostar grandes quantias, se quiser continuar no jogo. Se não conseguir lidar com isso, saia do jogo. Se puder, respire fundo, aumente as apostas com boas mãos e, confie no que aprendeu até o momento. Caso seu oponente seja muito passivo, seja mais agressivo. Se o seu oponente estiver muito tranquilo, aposte mais e blefe menos. Para cada defeito, existe uma maneira ideal de tirar vantagem desse defeito e sua tarefa é conseguir identificar isto.

Quando entendemos melhor a nós mesmos e à nossos oponentes, a psicologia real começa a fazer sentido. Requer um nível mais alto de controlo de emoções. Jogadores de nível 1 pensam apenas em suas cartas, enquanto jogadores de nível 2 se perguntam pelo menos quais cartas seu oponente está a segurar. O jogador de nível 3 também considera o que seu oponente pensa. Obviamente, isso é impossível sem ler o seu oponente e, além disso, entender como ele o lê.


YoyoCasino € 500 bónus e 200 giros grátis.

|


Wazamba € 500 bónus e 200 giros grátis.

|


 


portugalcasino.pt